Anatel vai impor limite de propaganda na TV por assinatura

Share

Quem mora no Brasil e pretende assinar uma TV por assinatura tem diversas opções de escolha, dependendo, obviamente, da região. E mesmo sendo pagas por entregar um serviço, as operadoras de TV a cabo e por satélite dizem que precisam veicular propagandas para terem lucro. Mas de uns tempos pra cá essa quantidade vem aumentando. E a Anatel, que regula não só telefonia como TVs por assinatura também, resolveu se meter.

Depois de uma audiência pública realizada na semana passada, a agência anunciou que está preparando novas regras para a área de TV paga. De acordo com uma das regras, as operadoras vão poder exibir apenas 15 minutos de propaganda para cada hora de programação. Outra medida anunciada é a determinação que cada pacote de canais vendidos tenha ao menos um canal de independente de conteúdo nacional.

A desvantagem óbvia da primeira determinação é o potencial aumento da mensalidade nas TVs por assinatura, já que a quantidade de propagandas deve diminuir. Mas tenho alguma certeza de que muita gente vai ficar feliz em pagar um pouco mais para ver mais conteúdo do que anúncios na TV.

No total três novas resoluções na área de TV por assinatura estão sendo finalizadas e já devem estar prontas até outubro. A partir daí, as operadoras de TV assinatura precisarão, possivelmente, adequar sua programação e fazer as alterações necessárias nas mensalidades.

Com informações: Estadão em 17 de junho de 2011 .

Share