Os gadgets inteligentes não tão inteligentes assim

O Smartphone foi apenas o começo. Hoje já existem smart pratos, garfos, panelas e até meias(VEJA.com/Divulgação)
Share

Com a possibilidade de incluir acesso à internet em objetos do dia a dia, cada vez mais startups investem em transformar produtos comuns nos chamados smart gadgets. São meias, escovas de dentes, pratos, garfos e tábuas, ou qualquer tipo de coisa, que podem ganhar um chip, se conectar à rede, ter funcionalidades parecidas com a de aplicativos, e ser chamado de inteligente (o “smart” de smart gadget).

Uma panela, por exemplo, consegue se conectar ao smartphone e avisar por meio de um aplicativo quando a comida fica pronta. Ou, ao analisar um código de barras, pesquisar o que o usuário vai beber para contabilizar o número de calorias ingeridas. Por mais que o objetivo principal seja deixar a vida fácil, nem sempre esses chips deixam o objeto realmente eficiente. Por vezes, passa a ser é mais inútil.

Por isso surgiu um movimento que ironiza tantos objetos “smart”.

Todd Lemmon e Andy Bobrow, americanos que trabalham com criação de conteúdo, desenvolveram o Tumblr “We put a chip in it” parar tirar sarro dessa “filosofia” (como chamam) de pegar qualquer objeto e colocar um chip nele, transformando-o em “inteligente”. O slogan define perfeitamente a sensação que ambos tiveram com a mudança exacerbada no mundo de desenvolvimento de dispositivos. Eles definem assim os smart: “era apenas um objeto burro. Então nós inserimos um chip. Agora é um objeto inteligente”.

No site é possível encontrar exemplos dos mais estranhos gadgets, com breves comentários escritos pelos autores.

Veja alguns na lista abaixo:

 

alx_aplicativos-20150515-89_original

Kisha

O Kisha é um guarda-chuva que notifica o usuário quando está chovendo e também se ele se distância do gadget. Custa 75 dólares, mas, vamos combinar, não vale tanto. Quem precisa de uma sombrinha que avisa se está chovendo ao redor? Mais que isso, é tão difícil saber se o guarda-chuva está longe do dono?

alx_aplicativos-20150515-91_original

Smarter Socks

Como o nome em inglês diz, são meias inteligentes equipadas com chips que precisam ser sincronizados por bluetooth com o smartphone. As meias avisam quando chega a hora de lavá-las ao medir a tonalidade de preto de sua cor. Parece “smart” para você? É possivel comprar o gadget pelo site da Black Socks.

alx_aplicativos-20150515-93_original

Pantelligent

O que é: uma panela que ajuda o usuário na hora de preparar as refeições. Basta conectar o celular à panela e logo chegam notificações sobre a temperatura do recipiente, indicações de quanto mais de tempo é preciso cozinhar o alimento e até algumas sugestçoes de receitas. O produto ainda está em fase de desenvolvimento. E apesar de ser um dos alvos da piada do site “We put a chip in it”, esse até que é útil.

alx_aplicativos-20150515-92_original

HAPIFork

Este aproveita a alta do estilo de vida saudável. O garfo recebeu um chip que o faz vibrar quando o usuário está comendo rápido demais. Um relatório é enviado depois para o smartphone com dados como a duração da refeição e quantas garfadas foram realizadas. O produto está disponível no site da HAPI, mas por enquanto só nos Estados Unidos.

alx_aplicativos-20150515-90_original

Tlinkle

Trata-se de um par de canecas que funcionam assim: quando uma delas é tocada, acende e envia um sinal para a outra, que se ilumina também. Por quê? Bem, não tem muito motivo. O produto está em fase de produção e deve chegar aos compradores em outubro deste ano.

Fonte: Veja

Share