Presidente do CSP-Bahia avalia crescimento do segmento de Seguros de Pessoas

Solon Barretto - Presidente do CSP-Bahia
Share

Com crescimento superior a 20% em relação ao mesmo período do ano anterior, o segmento de Seguros de Pessoas ganha cada vez mais destaque no cenário nacional, estimulando ainda mais o interesse dos corretores de seguros pelo ramo. Segundo a Fenaprevi, em março de 2015, houve uma alta de 8,24% de indenizações pagas aos segurados e beneficiários em relação o mesmo mês do ano anterior.

Para o presidente do CSP-Bahia, Solon Barretto, a estruturação do setor tem colaborado para a continuidade desse avanço. “Há meses fala-se em crise instalada em nosso país, e as variáveis macro-econômicas revelam que é fato; inflação, altas do dólar e da taxa básica de juros, desemprego, mas a indústria de seguros parece “desafiar” esse quadro. Nosso mercado está bem estruturado, com oferta cada vez mais ampla em Seguro de Pessoas, com canais de distribuição que alcançam todas as classes sociais”, afirma.

No topo dos produtos mais contratados estão o seguro prestamista e o auxílio funeral, que segundo Barretto, tem relação direta com o emponderamento das classes emergentes. Para ele, o auxílio e assistência Funeral vem crescendo na distribuição pelo Canal de Afinidades, com forte apelo para as classes B, C e D, pelo baixo custo em comparação com o Carnê Funerário; e já com boa percepção de qualidade e importância pelos consumidores. “Acredito que em cerca de 5 anos, o produto Assistência Funeral passe para o conceito de “produto demandado”, como já é hoje o Seguro de Automóvel.

Na Bahia, o mercado segue acompanhando o crescimento nacional, estimulado pela união entre as entidades que movimentam o setor no estado. “Em Seguro de Pessoas, nosso estado está em um momento excepcional, com quantidade e qualidade de executivos, Cias Seguradoras estabelecidas, Corretores Especialistas, e em capacitação, com um movimento muito interessante de maior atenção do nosso mercado para a proteção de Pessoas e Famílias. O apoio das entidades que formam o “Sistema Baiano de Seguros” tem sido fundamental para esse movimento, a sinergia está em pleno vapor e os bons resultados acontecendo”, destaca o presidente da entidade.

Com o objetivo de continuar capacitando os profissionais em prol do fortalecimento do mercado baiano, o CSP-Bahia promoverá durante o segundo semestre um ciclo de treinamentos nos cinco segmentos. “Levaremos o CSP Pergunta para Feira de Santana, teremos dois eventos do Momento Conhecer e algumas surpresas ainda estão em formatação”, conclui Solon Barretto.

CSP-Bahia

Share